Manter a boa alimentação no verão é fundamental para a saúde. De fato, ao consumir pratos leves, o organismo promove uma digestão eficiente junto à sensação de bem-estar prolongada. O grande diferencial está em escolher ingredientes frescos para ajudar a repôr o líquido perdido com o suor e deixar o peso em dia na hora de ficar bem naquele look de praia dos sonhos.

Saiba que tudo faz parte de um ciclo positivo que muda os hábitos aos poucos por aumentar a percepção do paladar. Ao estabilizar os níveis de hidratação do corpo a partir de água e comidas saudáveis, o prazer de comer uma fruta suculenta, por exemplo, torna-se mais evidente no calor.

Quer saber mais? Vamos mostrar quais alimentos devem ser consumidos durante as altas temperaturas e suas principais vantagens. Acompanhe!

Frutas

Quem deseja ter uma boa alimentação no verão deve ficar de olho nos benefícios das frutas. Isso porque elas são excelentes opções para o café da manhã e o lanche da tarde. Sem contar que as mais doces se encaixam perfeitamente como uma sobremesa leve. Além disso, por ser um alimento bastante variado, você ainda ajuda o organismo a repor o excesso de líquido perdido em dias com as temperaturas lá em cima.

Uma boa dica é apostar em banana, uva e abacate, uma vez que são opções ricas em potássio e fazem muita diferença na saúde depois de passar muito tempo no sol. O grande segredo está em procurar por sabores refrescantes que saciam a fome sem deixar de lado o bom funcionamento dos rins. Coma as frutas em pedaços ou aposte em sucos, vitaminas e picolés.

Grãos integrais

Com os termômetros altíssimos, fazer refeições gordurosas pode gerar, automaticamente, uma queda de energia corporal. Diante da sua dificuldade de digestão, a maioria das pessoas se sente sonolenta e bastante cansada ao realizar atividades simples. Por isso, criar pratos repletos de grãos aparece como uma boa solução para evitar também a famosa retenção de líquidos.

Entre as principais sugestões estão linhaça, gergelim, aveia, milho e arroz integral. Outra vantagem significativa é que aumentar a ingestão dessas substâncias interfere diretamente na beleza da pele por diminuir os perigos causados pelo sol diante dos sinais de envelhecimento.

Saladas

As saladas, muito utilizadas nas dietas, transformam-se no prato principal do verão. Diante da versatilidade no momento de elaborar as receitas, você pode incrementar as folhas verdes com pedaços de frutas e legumes. Ou seja, dessa forma, fica mais fácil consumir todas as vitaminas necessárias com poucas calorias e ainda manter o funcionamento do organismo em dia.

Em um prato bastante colorido, por exemplo, o efeito visual já deixa tudo mais apetitoso e refrescante. Entretanto, os principais benefícios estão na quantidade de água, vitaminas e fibras dos ingredientes. Tenha em mente que substituir uma refeição gordurosa por uma boa quantidade de vegetais acompanhada de proteínas traz uma grande sensação de saciedade perfeita para comer na medida certa.

Água de coco

Beber água de coco no verão é a receita perfeita para permanecer hidratado. Afinal de contas, além de ser muito refrescante e saborosa, a bebida tem uma grande quantidade de vitaminas. Tudo varia de acordo com o estado de maturação do coco, já que também existem as versões em caixinhas.

Por atuar como fonte de minerais e potássio, as substâncias da água de coco repõem rapidamente qualquer perda em excesso causada pelo suor ou urina. Outro detalhe interessante está na concentração de vitamina C, que atua no aumento da imunidade, melhora o índice de ferro no organismo e previne, até mesmo, o câncer.

Pronto! Agora você já sabe como melhorar a alimentação no verão. O mais indicado é que, além de caprichar no cardápio leve, opções mais gordurosas, refrigerantes e sal em excesso devem ser evitadas. Em função disso, priorize o bem-estar durante o período quente e aproveite cada segundo dessa estação tão especial!

Gostou das informações do artigo? Então curta nossa página no Instagram e receba conteúdos exclusivos.